Justiça de Paty do Alferes condena mecânico por discriminação

Date:

Compartilhe esta postagem:

A justiça de Paty do Alferes condenou o mecânico Mauro Monteiro Pinto a pagar uma indenização de R$3.000,00 por ameaçar e ofender Marcelo da Silva Gomes, seu vizinho. Marcelo, que é adepto do Candomblé, foi chamado de macumbeiro e xingado no início deste ano, durante festa típica em Paty do Alferes.

Marcelo, que é aposentado por invalidez, foi ofendido quando fazia oferenda no bairro Palmares. Mauro, além de ofendê-lo, ameaçou-o caso ele proseguisse com àquele ritual.

Com o apoio da Organizão de Direitos Humanos Projeto Legal, ele decidiu mover uma ação contra o mecânico e teve ganho de causa dado ontem pela justiça.

http://feedproxy.google.com/RioBrasilArteCapoeira

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Campanha dos 21 Dias de Ativismo contra o Racismo se inicia no dia 5 de março com diversas atividades

A partir de seu embrião, em 2016, neste ano a Campanha 21 Dias de Ativismo Contra o Racismo...

Espaço Brincante recebe Mestre Russo de Caxias para vivência e roda de capoeira

Documentário, vivência e aulão de capoeira para todas as idades é a programação deste domingo no Espaço Brincante...

Dique do Tororó recebe o Movimento Cadê Salomé para roda de capoeira e prosa neste final de semana

Com a participação da Mestra Lilu, mulher, mãe, capoeirista e pesquisadora e de Professora Negona, mulher negra, amante...

Nessa Roda tem Mandinga! Mandinga de Mulher!

O Programa Mandinga de Mulher, uma parceria entre a Rádio Capoeira e o Grupo de Estudos e Intervenção...